sexta-feira, 4 de janeiro de 2008


A diocese de Barretos foi eregida canonicamente em 14 de abril de 1973. O Padroeiro Diocesano é o Divino Espírito Santo.

"A ternura do Espírito Santo de Deus é capaz de plantar no coração humano o desejo mais puro de justiça, a intenção mais reta de seguir a Cristo Pastor, o amor mais honesto e solidário.
Sua presença silenciosa é capaz de sondar o que há de melhor em cada um de nós.
Por isso, Ele sempre se refaz"...
(Ziza Fernandes)


Veja abaixo as paróquias que compõem a diocese e o ano de suas criações como paróquias:

Sant'Ana - Ipuã - 1847
Catedral do Divino Espírito Santo - 1877
São José - Morro Agudo - 1896
São João Batista - Olímpia - 1910
N. Sra. da Abadia - Cajobi - 1916
São Sebastião - Guaíra - 1916
São José - Severínia - 1928
São Gabriel - Jaborandi - 1933
N. Sra. do Rosário - Barretos - 1936
São Miguel Arcanjo - Miguelópolis - 1948
N. Sra. Aparecida - Olímpia - 1958
São Benedito - Barretos - 1962
Bom Jesus - Barretos - 1977
N. Sra. do Carmo - Colômbia - 1979
Santa Ana - Barretos - 1982
N. Sra. Aparecida - Embaúba - 1996
N. Sra. Aparecida - Guaíra - 2001
São Luiz Gonzaga - Barretos - 2002
Quase Paróquia São João Batista - Barretos - .....
Quase Paróquia São José - Olímpia - 2008

Um comentário:

Cemira disse...

nao e comentario e ajuda preciso do Batisterio da igraja de Morro Agudo do Ano 1953 e 1954
de Maria Luiza de Paula
Mae:Luzia de Paula/Joao Alves de Oliveira Avos Matermos e Padrinhos:Catharina Eçiza de Jesus e Joao Francisco Basilio de Paula
Fone:25393920
70510930
Cemira Grata